Fisioterapia melhora a qualidade de vida em todas as idades

O método fisioterapêutico já se tornou um tratamento relevante em pacientes que sofreram acidentes, possuem problemas ósseos ou passaram por alguma cirurgia, isso porque a fisioterapia tem como objetivo ajudar na recuperação da função dos membros lesionados, porém, além do poder de restauração, a fisioterapia também é capaz de proporcionar o bem-estar físico e a melhoria da qualidade de vida.

Desse modo, a fisioterapia pode fazer parte do quotidiano de todas as pessoas, sendo útil na recuperação de problema musculoesquelético como também em atividades físicas rigorosas. O ideal é não substituir os exercícios pela fisioterapia, mas sim conciliá-los.

A junção dos dois (atividade física e fisioterapia) traz bons resultados para o físico e para a saúde do indivíduo, já que previne lesões e auxilia na boa execução do exercício físico.

Na terceira idade a fisioterapia atua não só no tratamento, mas também na prevenção de patologias, como a cervicalgia (dores na região cervical), problemas nas articulações, musculatura enfraquecida e lombalgia (dores na região lombar). O profissional proporciona ao paciente um aumento da força muscular, equilíbrio, flexibilidade, postura, melhoria na locomoção e devolve sua independência.

Em adultos, a fisioterapia trabalha na postura, melhora as articulações, diminui as dores e previne lesões futuras. Nas mulheres grávidas, a fisioterapia age no preparo para o parto e auxilia no bom desempenho físico no pós-parto.

Crianças também podem fazer sessões de fisioterapia, já que o método auxilia no desenvolvimento infantil. Pessoas que possuem algum tipo de deficiência também podem usufruir da fisioterapia como tratamento.